Casa dos Pássaros: Calopsita.

13 de outubro de 2014

Meninas...

Estamos com uma super novidade!
Mas claro que você só vai saber se clicar e continuar a ler o post!


Está estranhando? Não se preocupem, vocês vão adorar e querer acompanhar ;)
Lindo casal de calopsitas, não acham? *--*
Mas que tal parar de ficar batendo a cabeça e descobrir logo?
Vamos lá >>

Oiie Minhas Cutes!!!

Vocês que acompanhando o cantinho, não devem estar entendo.
O porque do titulo e da imagem de inicio... Alguma coisa aconteceu? É você mesma?
Sim meninas, sou eu #Rsrs... E nada aconteceu com o blog. Muita calma nessa hora!

A novidade e que o blog fechou um tipo de parceria onde eu estarei divulgando não só o site, mas sim dividindo com vocês sobre variados tipos de pássaros. E estarei colocando aqui, para todas as cutes conhecer melhor. E se você conhece quem gosta de pássaros e de conhecer sempre mais, indique os post's e claro o site Casa dos Pássaros! Toda segunda até o mês que vem terá um novo post sobre uma espécie de pássaros e várias informações... Espero que vocês gostem e aceitem bem essa novidade.

Bom hoje eu irei falar sobre a Calopsita!
Vamos conhecer mais?


A Calopsita, que tem o nome científico de Nymphicus hollandicus, é uma pequena cacatua australiana. O nome é derivado de kakatielje, que significa "pequena cacatua", em holandês. As Calopsitas também são conhecidas como Caturras. Elas habitam o interior da Austrália, incluindo o cerrado, sertão e as áreas úmidas. Elas são nômades e irão voar de um lugar para outro em busca de alimentos e água. 

Na Natureza, as Calopsitas vivem em pares ou em pequenos bandos, mas bons lugares, tais como lagoas, podem atrair centenas de Calopsitas de uma vez. São pássaros muito sociáveis, que irão apreciar a companhia de outras Calopsitas quando forem criadas em sua casa. Assim como diversos outros pássaros de estimação, elas irão formar uma ligação muito forte com seus donos humanos, mesmo se forem mantidos com outras aves, por isso é importante que ao adquirir uma Calopsita, você tire alguns minutos do seu dia para passar com ela, brincando e conversando, de forma que ela fique mansa e se torne uma ótima companheiro para você.

Características Físicas:
 Calopsitas jovens são mais finas e magras do que os adultos e não possuem todas as penas da cabeça. As aves jovens atingem o tamanho de adulto com cerca de 9 meses, embora elas começam a fazer a muda com cerca de seis meses e vai continuar a trocar de penas todos os anos.

A Calopsita adulta pesa de 800 gramas até 1,1 quilos, e tem cerca de 30 centímetros do bico à ponta da cauda. O adulto geralmente tem penas e bico mais escuros. As Calopsitas machos geralmente têm as penas da cabeça mais brilhantes e amareladas, e manchas na bochecha, bem como cristas maiores. A maioria das Calopsitas vivem de 12 a 14 anos, embora possam chegar a viver de até 25 anos.

Na natureza, a ave é predominantemente cinza, conforme a foto abaixo de uma Calopsita Cinza Silvestre. As cores básicas presentes na Caturra são o amarelo, vermelho e preto. Existe uma grande variedade de cores, ou mutações de Calopsita, que podem ocorrer primeiramente na natureza e, em seguida, na criação doméstica.


Alimentação:
Um mix comercial de sementes para Calopsitas geralmente será considerado adequado para alimentar seu pássaro, juntamente com um bom suplemento vitamínico. Rações peletizadas também vão fornecer uma alimentação bastante equilibrada, no entanto, não contém os fitonutrientes, que são pigmentos antioxidantes encontrados em vegetais, frutas, grãos e sementes, por isso ela deverá ser complementada.

Você pode complementar a alimentação de sua Calopsita com os alimentos verdes, como folhas de chicória, couve, mostarda, folhas de cenoura, aipo, agrião, espinafre, ervilhas, milho verde e milheto. Várias frutas também são apreciadas pelas Caturras, como maçãs, laranjas, bananas e outras. É recomendado fornecer o osso de siba como fonte de cálcio, ajudando a manter o bico em boas condições. As proteínas podem ser oferecidas através de farinhadas especiais, ração de cachorro ou ovos cozidos e amassados. Uma destas fontes proteicas já é o suficiente.

O uso da areia na alimentação dos pássaros que descascam as sementes antes de comer vem diminuindo, muitos criadores atualmente acreditam que as Calopsitas não precisam da areia, e inclusive acham que ela pode até mesmo causar problemas para as aves. Somente alguns Papagaios, que comem as sementes inteiras e sem descascar, ainda precisam da areia para ajudar na digestão.

Cuidados:
* Dê água potável e fresca todos os dias para suas Calopsitas. Você também poderá adicionar vitaminas e medicamentos na água, tornando mais fácil administrar tais produtos.

* As Calopsitas vão adorar tomar um bom banho! A banheira poderá ser colocada na gaiola, e de preferência que ela tenha a borda alta, evitando assim muitos respingos de água.

* As Calopsitas também precisam de alguma preparação e cuidados. É importante manter uma das asas cortadas, isso evitará que a Calopsita saia voando por aí, e você nunca mais a veja novamente. O corte também facilita o processo de amansar. Galhos frescos de árvores e arbustos como o carvalho e árvores frutíferas darão boas horas de mastigação e prazer na escalada enquanto elas estiverem se exercitando e aparando o bico e as unhas.

 "Uma atenção especial aos cuidados básicos com sua Caturra irá manter seu pássaro saudável e ativo durante anos. Alimentos e água frescos devem ser fornecidos diariamente."
E então meninas?
Curtiram? Muito legal  conhecer mais sobre um animalzinho tão lindo como e a Calopsita!
Mas claro que não são só esse conteúdo que tem sobre ela... Claro que não.
No site Casa dos Pássaros, vocês tem muito mais post's sobre ela e muitos outros tipos de pássaros.
E se você tem ou está interessado em adquirir legalmente seu bichinho, indico você entrar e se informar. Tem sobre brinquedos, as gaiolas que mais se adaptam e muitas outras coisas!

E sobre a calopsita, não se esqueçam de entrar diretamente no post, com um conteúdo muito bom e completíssimo : Calopsita - Guia Completo

E por isso indico vocês a acompanharem as Redes Sociais:
Site Casa dos Pássaros.
Facebook Casa dos Pássaros.

Então é isso!
Fico por aqui, e espero que tenham aprovado!
Até o Próximo Post!
E Beiijos!